Panoramas, Joufroy, Verdeau, Vivienne e Colbert – Passagens Cobertas em Paris.


IMAGEM DESTACADA: Galeria Vivienne, a mais elegante da cidade.

Roteiro elaborado por Anaté Merger para a Provence: Rio de Janeiro / Lisboa / Nice (Menton; Saint Raphael; Biot; Saint-Paul-de-Vence; Villefranche-Sur-Mer) / Marseille (Calanques; Cassis) / Aix-en-Provence (Ménerbes; Cucuron; Carpentras; Isle-sur-la-Sorgue e Fontaine du Vaucluse; Uzés; Saint-Paul de Mausole; Saint-Saturnin; Saignon; Sault; Valensole; Lac de Sainte-Croix) / Paris (Estrasbourg) / Lisboa (Lagos; Tavira ) / Rio de Janeiro.

Adoro galerias. Aqui no Rio me encanta a Galeria Menescal. Não me canso de admirá-la e sempre que posso dou um pulinho até lá. Falando sério, sinto-me em Paris.

A Menescal é uma passagem da Av. N. S. de Copacabana à Barata Ribeiro. É espaçosa, alegre, bem iluminada, movimentada e dotada de excelente comércio. Há uma loja de refeições, doces e salgados árabes, por exemplo, que vive cheia. Difícil você chegar e não enfrentar uma fila. Vale à pena enfrentá-la? Claro! Inda mais que o atendimento é rápido. Adoro comida árabe. E alemã. Italiana também. E a francesa? E a portuguesa? A Tailandesa!, nossa… A Japonesa, a Chinesa, a Mexicana… E a Brasileira? Aquele tutuzinho com couve à mineira? Adoro comer, perceberam? Comer bem. Não quantidade, mas qualidade. Mas isso já é outro papo. Não entrarei em pormenores agora, porque em breve a Galeria Menescal estará aqui em uma postagem caprichada.

GALERIA VIVIENNE – Endereço.

Voltemos à Galeria Vivienne, linda de viver.
São três entradas: uma fica no número 6 da rue Vivienne; outra, no 4 da rue des Petits Champs; e mais uma no número 5 da rue de la Banque.

*****

P1090438 (1024x768) (2)
Galeria Vivienne: requinte desde 1823.

*****

P1090440 (1024x764)
Galeria Vivienne: elegância que se conserva até hoje.

*****

P1090444
Brasserie Vivienne – pausa para um café pelo lado da rue Petit Champs.

*****

P1090445 (1024x768)
Brasserie Vivienne – 4, rue des Petits Champs, 75002 Paris. Tel.:? +33.1.4927-0050

*****

Leonor, nossa estimada guia de Aix-en-Provence, foi quem nos ensinou a pedir o café gourmet – idéia que adoramos e adotamos até mesmo pela surpresa que cada cafeteria nos reserva.

*****

P1090443
O café gourmet do Bistrot Vivienne: uma festa na bandeja.

*****

Paris contava com 150 dessas passagens cobertas e hoje restam entre 15 e 20.
Obras de expansão da cidade promovidas pelo Barão Haussmann foram responsáveis pelo desaparecimento dessas charmosas galerias, na proporção em que outro tipo de comércio começava a florescer: as lojas de departamento, fortes concorrentes. As galerias sobreviventes a essa época ainda são destinadas ao comércio e continuam atraindo clientela.

A  requintada Vivienne, estilo neoclássico, por exemplo, foi construída em 1823. O piso é trabalhado em mosaicos minúsculos, obra de um italiano de nome Giandomenico Facchina, que assina sua arte em um dos corredores. Para a sorte dos franceses, no século XIX o artista deixou belas heranças .

A elegante galeria abriga excelente comércio e, dentre eles, a famosa boutique de Jean-Paul Gaultier pelo lado da própria rue Vivienne.
Outro destaque é a a casa de chá/restaurante À Priori-Thé.
Agora, linda mesmo é a loja L’Aparté, exclusiva em artesanato feito com papel. São incríveis! e por mais que seja detalhista em minha descrição, jamais conseguirei me aproximar da realidade.

A loja é um delicado cenário. Ao entrar, imaginei que a qualquer momento fosse ver a Fada Sininho voando entre as dezenas de flores e guirlandas iluminadas que a decoram. É tudo tão delicado, lindo e colorido, que você se perde nas escolhas.

*****

P1120522 (937x1024)

O tamanho da borboleta maior. Todas são moldáveis graças a arames finíssimos colados nas peças. Embaladas uma a uma que nem o comercial de uma antiga marca de drops.

*****

P1120524 (950x1024) (2)
Antenas e prendedores (em espiral) moldáveis.

*****

P1120534 (1024x768)
Borboletas de muitas cores e tamanhos para você dar asas a sua imaginação. Sem trocadilho.

*****

Testemunhei a aflição de um senhor que já estava na loja quando entramos. Tratava-se de um presente – sem querer ouvi-o comentar -, e ele não sabia o que comprar. A dúvida era tamanha, coitado, que a vendedora resolveu ajudá-lo perguntando o perfil do presenteado. Visivelmente, o senhorzinho estava sofrendo. Múltipla escolha é fogo. Ó dúvida cruel!

Não posso afirmar, mas me pareceu termos sido atendidos pela proprietária da loja – uma senhora simpaticíssima, de gestos e voz suaves, amável, e tão graciosa quanto os artigos expostos na loja.

Foi a mesma que atendeu o senhorzinho que saiu feliz da vida da L’Aparté com um embrulho para presentes tão lindo quanto seu conteúdo.
Como eu já havia me encantado por aquelas maravilhas, para não ficar na mesma sofreguidão que o senhorzinho, foquei nas borboletas e acabei saindo da loja com uma coleção de tamanhos e cores distintas de fazer inveja a qualquer floresta de desenho animado. Loja de sonhos inesquecível que pretendo rever quando retornar a Paris.

Antes que me esqueça, você poderá começar esse passeio entrando pelos jardins do Palais Royal. Salte na estação de Metrô Palais Royal-Musée du Louvre. De um lado está o museu e do outro, o Palais. Seu primeiro encontro será com as Colunas de Buren onde você poderá sacar belas fotos.
Depois dê uma olhada nas lojas das galerias; tome um bonito café ao ar livre se o tempo permitir, e depois atravesse o jardim. Lá no final há uma saída discreta para a rua de Beaujolais. Atravesse-a e entre na rue Vivienne, única perpendicular neste quarteirão.

*****

P1090446 (1024x753)
Jardins do Palais Royal.

*****

P1090447 (1024x768)
É por esse jardim que você poderá começar seu passeio pelas galerias.

*****

P1090448 (1024x768)
O jardim do Palais Royal é silencioso e me transmite tranquilidade. Muito bom caminhar e escutar o barulhinho da sola do sapato apertando os grãos de areia…

*****

Nesta rua você encontrará duas galerias, uma quase ao lado da outra: a Colbert, no número 2 – onde você poderá almoçar longe do burburinho da cidade em uma brasserie que ainda conserva o mesmo charme desde sua inauguração, em 1926 -,  e a Vivienne no 6.

GALERIA PANORAMAS:

LOCALIZAÇÃO: Boulevard e rue Montmartre.

Caso você esteja interessado em visitá-la, basta continuar pela rue Vivienne e alcançar o Boulevard Montmartre. Em lá chegando vire à direita até encontrar o número 11, uma das entradas. A outra  está no número 164 da rue Montmartre, que você poderá atingir caminhando por seus corredores.
A Panoramas é uma galeria simpática e movimentada, onde podemos desfrutar de um saboroso café gourmet em algum de seus bares, bistrôs e restaurantes, ou saborear um perfumado chá em uma casa especializada. O comércio de selos também atrai colecionadores.
Estação de Metrô mais próxima: Grands Boulevards.

*****

100_0642 (763x1024)
Um dos corredores da Galeria Panoramas.

*****

100_0643 (1024x768)
Interior da Galeria Panoramas.

*****

100_0644 (1024x762)
Prestar atenção nos corredores é fundamental. Caso contrário algum lhe escapará.

*****

100_0645 (1024x763)
Outro corredor da galeria. São todos muito semelhantes.

*****

100_0646 (751x1024)
A Panoramas também é bem servida por filatelias.

*****

ONDE ALMOÇAR NA PANORAMAS: 

Endereço: 62 Passage des Panoramas, 75002 Paris, França

Créperie excelente. Ambiente acolhedor e atendimento simpático.

*****

100_0647 (921x1024)
La Crêpérie – boa opção para um almoço leve e saboroso. Crepes de trigo sarraceno, meu preferido.

*****

GALERIA JOUFROY:

Basta atravessar o Boulevard Montmartre. A Joufroy é como se fosse a continuação da Panoramas, só que do outro lado da rua.
Endereço: começa no 10, Boulevard Montmartre e termina no 9, rue de la Grange Batelière.

Essa passagem fica ao lado do Museu de Cera Grévin, assunto para outra postagem.

100_0657 (1024x768)

*****

100_0658 (1024x768)

*****

100_0659 (767x1024)

*****

100_0660 (768x1024)

*****

100_0661 (1024x762) (2)

*****

100_0662 (1024x768)
Curiosíssima, a M & G Segas é especializada em bengalas!

*****

A Galeria abriga dois hotéis: o Ronceray (dê uma olhada naquele conhecido site especializado em reservas de hotéis que você vai se surpreender) e o Chopin, escondido no fundo da galeria, em funcionamento desde a época da inauguração da Joufroy, em 1846. Neste último, a tranquilidade anunciada de suas dependências deve-se ao fato de não haver janelas para a rua…

Na Joufroy o que chama atenção são duas lojas de brinquedos diferenciados, paraísos para a gurizada. Quer dizer: a loja também encanta adultos, começando por mim. A-do-ro brinquedos e não escondo minha paixão por bichos de pelúcia; e a prova disso é que aos 68 anos ainda me presenteio com esses mimos.

Brinquedos me fazem regredir até a infância. Não entendia o porquê de o Papai Noel nunca ter trazido os brinquedos que pedia nas cartas. Bem mais tarde me dei conta do motivo: tempo de vacas magras que também me deixaram muita saudade.

*****

PASSAGEM VERDEAU:

Saindo pela rue de la Grange Bateliére, atravesse-a e entre na Passage Verdeau, no número 6. Essa galeria é bastante simples – termina no 31, rue du Faubourg Montmartre.

*****

100_0663 (1024x763)

*****

100_0665 (1024x764)
O aspecto da Galeria não é atraente, mas vale a visita.

*****

100_0666 (1024x768)
Em Paris não faltam livrarias onde garimpar preciosidades.

*****

100_0668 (1024x768)
Construída em 1847, a galeria é bem dotada de livrarias de livros antigos, postais e antiquários.

*****

100_0669 (1024x766)
A Verdeau foi batizada com o nome de seu construtor, em 1847.

*****

Dois pormenores me chamaram atenção: o tratamento de alisamento de cabelo à brasileira e um manequim superantigo anunciando uma loja de nome “A Felicidade das Senhoras”. Amei ambos os detalhes.

100_0667 (1024x768)
Alisamento à brasileira.

*****

100_0670 (999x1024)
Nome da loja: A Felicidade das Damas (literal)

*****

100_0672 (1024x766)

No canto à esquerda, o Hotel Chopin. Em frente, o Museu Grévin.

*****

img186

2 opiniões sobre “Panoramas, Joufroy, Verdeau, Vivienne e Colbert – Passagens Cobertas em Paris.”

Deixe seu palpite!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s