PORTUGAL, PT: Peniche – Famosa Pelas Grandes Ondas, Rendas de Bilro e Pescaria


IMAGEM em DESTAQUE: Paisagem de Peniche.

Peniche está localizada na Província da Estremadura, no Distrito de Leiria.
Decidimos visitá-la, descompromissadamente, pensando em sua proximidade com Lisboa; não traçamos roteiro, não procuramos pontos interessantes, nada.
Nessa época não tínhamos notícia da Praia de Medão Grande, conhecida por Supertubos devido à astronômica altura das ondas das quais os surfistas tanto gostam. Estivéssemos ligados nesta praia, não perderíamos essa atração.

Quando vejo imagens das ondas surfadas na Medão por esses doidos, me pergunto se são movidos pela vaidade em surfar a maior onda para terem seu nome figurando entre os porretões de Peniche… Seria isso?
O que os impulsiona a correrem riscos desnecessários? Superação de medo? Pura coragemAmor ao esporte? Loucura? Ou… tudo junto?

DE ONDE PARTIR.
Partimos do Terminal Rodoviário de Sete Rios, localizado na rua Prof. Lima Basto, 133 / 1500-423.


Chegamos ao terminal rodoviário por Metrô que pegamos na Estação Marquês de PompalLinha Azul – Direção Reboleira – e descemos na Estação Sete Rios.
Como não encontrávamos a saída para a rodoviária, pedimos ajuda. Portanto, fica o aviso. Vá com bastante antecedência para não ser surpreendido pelo inesperado que poderá atrapalhar seu programa.
Outra opção é saltar na Estação Jardim Zoológico e caminhar um pouquinho (clique aqui).

A VIAGEM
até Peniche durou aproximadamente 2 horas; ônibus confortável.
Da Rodoviária de Peniche caminhamos 1 km até atingirmos a Av. do Mar, onde almoçamos em um restaurante que deixou a desejar: o Kate Kero I.

Avenida do Mar, à direita.

A cidade não se destaca apenas pelas ondas que formam tubos perfeitos, como desejam os surfistas.
O trabalho de tecelagem de redes de pesca é tão valorizado, que esse reconhecimento foi divulgado em um painel e uma placa como agradecimento da cidade. Afinal, Peniche tem a fama de ter um dos maiores polos de pesca de Portugal.

E por falar em tecelagem de redes, lembremo-nos das rendeiras que tecem maravilhas com bilros, e que também incluíram a cidade no rol das que primam pela fabricação dessa renda artesanal.

ONDE COMER
Foi na Avenida do Mar que nos deparamos com muitos restaurantes – era um ao lado do outro. Optamos pelo Kate Kero I e nos arrependemos.
Apesar da apresentação dos pratos, em sabor deixaram muito a desejar. Não recomendamos.

Ambiente agradável, vista para o mar, bom atendimento; mas a cozinha…

A muralha abriga boa parte da cidade. Para quem visitou Setúbal, encontrará uma localidade com menos atrativos, excetuando-se algumas igrejas que são consideradas atrações. Não as visitamos porque tínhamos pouco tempo para voltar a Lisboa. Lamentamos.

COZINHA INFORMAL
Sei não, mas acho que um bonito cachorro-quente à moda brasileira teria sido opção melhor que a do tal Kate Kero I.
Adorei a criatividade da “carrocinha”. 

A cidade merece ser visitada com mais atenção e isso requer mais tempo. De qualquer forma, valeu.


*****

2 comentários em “PORTUGAL, PT: Peniche – Famosa Pelas Grandes Ondas, Rendas de Bilro e Pescaria”

Deixe seu palpite!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s