Arquivo da categoria: Buenos Aires

ARGENTINA: Bairro San Telmo, em Buenos Aires.


Desde que a Praça Dorrego, a segunda mais antiga de Buenos Aires, tornou-se o centro da imensa feira de artesanato que acontece aos domingos, de 10.00 h às 17.00 h,  San Telmo passou a ser sinônimo de agitação. Pelo menos, nos fins de semana. Continuar lendo ARGENTINA: Bairro San Telmo, em Buenos Aires.

ARGENTINA – Jardim Japonês, Buenos Aires (Bosques de Palermo)


Bosques de Palermo ou Parque Três de Fevereiro – trata-se de outra localidade de Buenos Aires com looonga história prá contar. Prá começar, caso se interesse pela origem dessa imensa área de lazer, clique aqui.

Continuar lendo ARGENTINA – Jardim Japonês, Buenos Aires (Bosques de Palermo)

ARGENTINA – El Ateneo, Buenos Aires: Livraria e Café. Preciosidade da Capital Portenha.


Seu nome sugere um grande espetáculo: El Ateneo Grand Splendid. A livraria, a bem da verdade, “é” um espetáculo grandioso e por sua nobreza foi considerada pelo The Guardian, um jornal diário britânico, como a segunda melhor do mundo; e deve ser mesmo.  Continuar lendo ARGENTINA – El Ateneo, Buenos Aires: Livraria e Café. Preciosidade da Capital Portenha.

ARGENTINA – Melo. Restaurante Onde Bato Ponto Sempre Que Estou em Buenos Aires.


Conhecemos o Melo por acaso: ao chegarmos para nos hospedar no apart hotel colado ao restaurante, decidimos que era ali que iríamos jantar naquela noite.

Chegamos em torno de 20.00 h para nossa sorte. O Melo é concorridíssimo e o movimento é em ondas; não é para menos. Entendemos a procura ao vermos o cardápio – super variado – e os preços convidativos. Além disso, o acolhimento de parte da gerência e dos funcionários é muito atencioso. Quem não se permite cativar pela simpatia de alguém ou quando é bem recebido em algum lugar?

O salão não é pequeno e as mesas não são aquelas minúsculas em que só cabe o prato. Roupa de mesa limpíssima, ambiente bem decorado, acolhedor.

O atendimento é especialíssimo: gostamos tanto do restaurante que voltamos outras noites. Esses repeteco fez com que fizéssemos amizade com todos os funcionários. Resultado: sempre que vamos a Buenos Aires, batemos ponto no Melo.

Ano passado, 2016, um de nossos amigos estava de férias e outro havia mudado de endereço. Ficamos tristes por não vê-los. mas …, quem sabe, ano que vem, não nos encontramos?

O ambiente é de taberna: bem informal e alegre onde a clientela, visivelmente, sente-se muito à vontade. A impressão é a de que todos pertencem a uma só família.

Outro detalhe que nos chamou atenção: os cumprimentos entre funcionários e clientes mostra que a maioria frequenta assiduamente o restaurante – todos são “de casa”. Achei ótimo!

O restaurante enche e os clientes aguardam na porta, numa boa, até serem chamados. Esse movimento não é à toa.

Início dos trabalhos: cesta de torradas de alho e temperinhos – crocantes e quentinhas. Quem há de resistir?

Inhoques Freddy acima e Ravioles de Ossobuco abaixo. Porções fartas, pratos deliciosos, temperados na medida em que gostamos.

Antes de embarcarmos para El Calafate batemos esse prato de Espaguete ao Funghi e, claro, o Inhoque Freddy não poderia faltar.

Encerrada a seção de delícias, voltamos a pé para o hotel. Caminhar na noite de Buenos Aires é sempre um grande prazer para nós.

Com a palavra, ROSA CRISTAL

ARGENTINA: IQ Callao Apart Hotel em Buenos Aires.


IMAGEM DESTACADA: Fachada do IQ Callao Apart Hotel.

DEIXAMO-NOS atrair pelo IQ porque nas fotos atraentes do apart que vimos pela internet alguns motivos chamaram nossa atenção: localização, espaço do apartamento, ambiente bem composto, cafeteria embaixo do prédio, edifício moderno, jardim, y otras cositas más. Continuar lendo ARGENTINA: IQ Callao Apart Hotel em Buenos Aires.