Arquivo da categoria: VAUCLUSE

FRANÇA, Provence: Os Caminhos do Sul da França Em Companhia da Alex Tour Turismo.


IMAGEM DESTACADA: Ménerbe.

Que vários caminhos o levam à Provence, não é novidade.
O que você não sabe, é que Alex Brando, especializado em turismo para a terceira idade, antes de lançar seus programas para o Sul da França deu-se ao trabalho minucioso de pesquisar algumas dessas cidades. Trabalho este que considero extremamente responsável, antes de tudo.
Não satisfeito, viajou para algumas dessas localidades e vivenciou-as a cada passo 
antes de apresentá-las a seus amigos e clientes.
E foi pautado nesses momentos prazerosos e inesquecíveis que passou entre cores, aromas e sabores da Provence, que Alex elaborou o roteiro especial que apresento a seguir e que está a seu inteiro dispor.

ONDE FICA A PROVENCE?

Em poucas palavras: antigo condado do Sudoeste da França, banhado pelo Mar Mediterrâneo. 
Quem já teve o privilégio de percorrer suas estradas, não imagina que a Provença começou sua notável História – e que História! – em 27.000 A.C.!
É preciso percorrer seus caminhos bem cuidados em meio à plantações de trigo, amêndoas, nozes, lavandas e girassóis – sem esquecer as oliveiras, claro – para acreditar que essa região do território francês já era habitada desde os tempos pré-históricos.

O QUE VER NA PROVENCE?

Caminhar por suas ruas estreitas é dar asas à imaginação: construções antigas abrigam comércio variado, mas sem perder aquele ar bucólico de antigamente que tanto fazem questão de conservar.
Mas não pense que encontrará cidades carrancudas, sombrias, tristes… Nada disso! As cidades provençais são festivas, simpáticas, acolhedoras, e acho que isso se deve à receptividade de seus habitantes – recebem os visitantes de braços abertos e sempre com um sorriso no rosto.
Cafés, lojas de artesanatos, museus e igrejinhas quase que escondidas em ruas sem saída, tal qual a Igreja de Biot (Provence) que você vê na foto, estão por toda parte.

P1040423 (590x800)

Onde quer que você vá, encontrará ruas arborizadas e floridas, feiras ao ar livre – em que você poderá adquirir objetos decorativos, roupa de cama, mesa e banho, queijos, vinhos, frutas, patês, conservas de tudo que possa imaginar, peças de vestuário, acessórios de tudo que é tipo (sapatos, bolsas, cintos, carteiras de notas…) – , além das feiras brocantes que oferecem louça, cristais, fotos antigas, desenhos, pinturas em guache e a óleo, toalhas bordadas à mão, prataria, enfim, um antiquário a céu aberto. Clique aqui para saber mais.

PROVENCE ALPES CÔTE D’AZUL x PROVENCE.

Quem esclarece com propriedade essa diferença é a jornalista brasileira Ana Teresa Merger (Anaté Merger), moradora de Aix há muitos anos, em uma postagem em que esmiúça essa particularidade do sul da França. Clique aqui e conheça essa história intrigante.
Foi Anaté quem me abriu os inesquecíveis caminhos da Provence. Obrigada, Ana!


AIX-EN-PROVENCE: seu quartel general do sul da França.

Esta fonte é a única que não congela no Inverno, devido à temperatura de sua água.
FONTE MOUSSE no COUR MIRABEAU.

Na foto acima temos duas atrações em Aix: a fonte Mousse, cuja temperatura constante é de 27 graus e por este motivo não congela nem nos invernos mais rigorosos – sua origem é a Fonte de Bagniers – , e a principal avenida da cidade, o Cours Mirabeau, repleta de boutiques de marcas famosas, cafés, hotéis, restaurantes e feiras de artesanatos.
A fonte chama-se mousse devido à espessa camada de musgo que a cobre. Faz sentido.

O FILHO MAIS FAMOSO de Aix é o pintor Paul Cézanne (1839-1906), cujo atelier está aberto à visitação no esquema que você vê mais abaixo.
Endereço9 Avenue Paul Cézanne, 13100 Aix-en-Provence, França 
Telefone
+33 4 42 21 06 53.
Mas não é só isso que Aix tem para lhe mostrar: o museu é sensacional, a Fonte dos Quatro Golfinhos, as termas…
Descubra-o você mesmo!

Horário:

sábado 10:00–12:30, 14:00–17:00
domingo Fechado
segunda-feira 10:00–12:30, 14:00–17:00
terça-feira 10:00–12:30, 14:00–17:00
quarta-feira 10:00–12:30, 14:00–17:00
quinta-feira 10:00–12:30, 14:00–17:00
sexta-feira 10:00–12:30, 14:00–17:00
EM NOSSO ROTEIRO VISITAREMOS:

França: Fontaine du Vaucluse


Imagem Destacada: Rio Sorgue.

Roteiro provençal elaborado por Anaté Merger: Rio de Janeiro / Lisboa / Nice (Menton; Saint Raphael; Biot; Saint-Paul-de-Vence; Villefranche-Sur-Mer) / Marseille (Calanques; Cassis) / Aix-en-Provence (Ménerbes; Cucuron; Carpentras; Isle-sur-la-Sorgue e Fontaine du Vaucluse; Uzés; Saint-Paul de Mausole; Saint-Saturnin; Saignon; Sault; Valensole; Lac de Sainte-Croix) / Paris (Estrasbourg) / Lisboa (Lagos; Tavira ) / Rio de Janeiro.

*****

OBS: Onde encontrar a luva sobre a foto, clique para vê-la em tamanho maior.

FONTAINE-DE-VAUCLUSE

Fontaine-de-Vaucluse é uma comuna no departamento de Vaucluse (região de Provence-Alpes-Côte d’Azur). A cidade de Fontaine-de-Vaucluse pertence ao cantão de Isle-sur-la-Sorgue e do distrito de Avignon. Clique aqui para saber mais.

*****

P1050201 (1024x768)
Vista da ponte próxima à Prefeitura.

*****

Continuar lendo França: Fontaine du Vaucluse

França – Ménerbes e Cucuron.


Imagem em Destaque: Lavandas fotografadas na feira da Praça da Prefeitura (Place de l’Hotel de Ville).

Roteiro elaborado por Anaté Merger: Rio de Janeiro / Lisboa / Nice (Menton; Saint Raphael; Biot; Saint-Paul-de-Vence; Villefranche-Sur-Mer) / Marseille (Calanques; Cassis) / Aix-en-Provence (Ménerbes; Cucuron; Carpentras; Fontaine du Vaucluse; Uzés; Saint-Paul de Mausole; L’Isle-Sur-La-Sorgue; Saint-Saturnin; Saignon; Sault; Valensole; Lac de Sainte-Croix) / Paris (Estrasbourg) / Lisboa (Lagos; Tavira ) / Rio de Janeiro.

Como Chegamos: De Paris (Gare de Lyon) viajamos em trem até Aix-en-Provence. São aproximadamente 760 km percorridos em 3 horas em TGV – Trem de Grande Velocidade.
Observar o trajeto antes de adquirir o bilhete porque há composições que fazem uma breve parada em Avignon e outras que seguem direto para Aix-en-Provence.  Consulte aqui as possibilidades de horário e escalas.

Em Aix montamos nosso Quartel General nos dois Verões que passamos no sul da França. A Logística ficou por conta de Anaté Merger: aluguel de apartamento em um ponto maravilhoso (em frente à Mairie (Prefeitura), roteiro original (tal qual nos filmes) e aluguel de automóvel guiado pela doce Leonor, dublê de motorista e guia turístico, falando português, évidemment.

Abro um parêntesis para apresentar a escritora Anaté Merger: brasileira residente em Aix-en-Provence, jornalista, autora do livro Sagrados – A Aliança de Maria Madalena (clique aqui para saber mais)onde narra com muita propriedade uma história intrigante a respeito da vida de Maria Madalena na Provence.

Como teria chegado ao sul da França? Esse mistério, dentre outros, é que mata o leitor de curiosidade à medida que avança na leitura. Portanto, se você quer mesmo saber a respeito desta história, e além disso conhecer outro trabalho –  turismo – de boa qualidade executado por Anaté, clique aqui.

Nosso primeiro passeio de 2014 sugerido por Ana foi à Ménerbes e Cucuron.
Ménerbes dista em aproximadamente 74 km de Aix e Cucuron de Ménerbes em 30 km.
Ambas situam-se ao pé de uma região conhecida como Luberon, nome de uma cadeira de montanhas da Provence.
São muitas as aldeias desta região (saiba quais são clicando aqui), todas muito charmosas e peculiares.
Ménerbes está situada entre Lacoste e Oppède-le-Vieux – um pulo entre uma e outra. As distâncias entre as localidades são muito próximas, o que favorece a diversificação dos passeios.

Um vídeo rápido você poderá visualizar aqui.

Continuar lendo França – Ménerbes e Cucuron.